AF_GOV_Ad-Covid19_Agradecimento_468X060PX
Banner Eliauto 2
banner-dibacenter
Basic RGB
logo aen
banner-caicara
[KAKOI]-Banner
<< >>

Pandemia impacta na programação do Projeto Verão

8 de dezembro de 2020 em Esportes - Comente

Vôlei de areia é uma das modalidades realizadas anualmente no projeto esportivo. Foto: Divulgação/Unisul Esporte ClubeUm evento esportivo que vinha se tornando tradicional em toda a região também teve sua programação afetada. O Projeto Verão, realizado pelo Departamento Municipal de Esportes de Piên, com apoio da Unisul Esporte Clube e Hora Esportes, não terá as competições realizadas neste ano.

Para a edição de 2020/2021, estavam previstas as modalidades de tênis de mesa, futevôlei, streetball, bets, pênaltis, society, futsal, voleibol de quadra e vôlei de areia. Porém, em decorrência do aumento dos casos e atendendo aos protocolos sanitários, os órgãos decidiram pelo cancelamento do evento.

Segundo Lourenço Santos, um dos organizadores do Projeto Verão, diversas atividades estavam em planejamento para serem realizadas neste período. “O Departamento de Lazer e Esporte, com apoio da Unisul, havia planejado inúmeras atividades durante o verão, nossa intenção é disseminar a prática de atividade física, mas também é nossa prioridade cuidar do bem-estar e saúde dos atletas e desportistas. Algumas modalidades foram executadas, algumas ainda estão sem finalizar e outras ficaram apenas planejadas”, conta.

Santos detalha que não há uma definição de possíveis datas para que o evento possa ser realizado. “O clima do Projeto Verão vai justamente contra a recomendação atual dos especialistas para evitar que o vírus se espalhe ainda mais: manter uma distância, de pelo menos dois metros, de outros indivíduos evitando qualquer contato físico, e até permanecer em casa pelo maior tempo possível. No momento, o melhor é aguardar todo e qualquer evento, por mais duro que seja para quem está planejando algo há meses, é hora de ter prudência e adiar os compromissos. Estamos reformulando o Projeto com uma nova cara, mas tudo depende dos órgãos municipais responsáveis pela liberação ou não para executar o evento”, finaliza.

Deixe seu comentário